Marco Antônio enquadra a Cisne e linhas terão mais ônibus a partir de amanhã

O prefeito Marco Antônio Lage (PSB) determinou que a Transporte Cisne ponha mais ônibus em circulação durante este período de pandemia e proibiu a circulação com passageiros em pé.

A imagem pode conter: árvore e atividades ao ar livre

As medidas de combate à pandemia do novo coronavírus começam a valer nesta quinta-feira (14). As tabelas com os novos horários já estão afixadas nos ônibus. O fim da superlotação no transporte coletivo urbano em Itabira é uma reivindicação antiga dos usuários.

A implantação das medidas foi adotada após reunião entre a Secretaria Municipal de Obras, Transporte e Trânsito, por meio da Superintendência de Transportes e Trânsito (Transita), e a empresa Cisne. Também haverá restrições aos usuários, como proibição de embarque sem o uso de máscara.

Conheça as regras que começam a valer amanhã no transporte coletivo:

– Restrição total de passageiros em pé (os ônibus só poderão circular respeitando a capacidade máxima de assentos);

– As janelas deverão estar sempre abertas para circulação do ar;

– Os veículos devem ser limpos e higienizados de forma minuciosa a cada turno;

– Ter disponível álcool em gel para os usuários;

– Autorização de embarque somente aos passageiros que estiverem utilizando máscara;

– Adição de 33 horários para suprir a demanda (12 linhas no sentido Centro/ Bairro e reforço de 21 itinerários já existentes);

– Aumento da capacidade de transporte de 1,2 mil novos passageiros sentados;

– Gratuidade para idosos apenas nos horários das 10h às 16h e das 20h às 6h.

A Prefeitura recomenda à população que somente saia de casa em situações de extrema necessidade. Caso saia, é obrigatório o uso de máscara de proteção, conforme o artigo 9º do decreto municipal 115/2021.

Fonte: Diário de Itabira