‘Aqui qualquer coisa é impeachment. Deixa o cara governar, pô’, diz Mourão

jair bolsonaro hamilton mourão
Ao Estadão, vice-presidente disse também não identificar, hoje, nenhum adversário capaz de derrotar o presidente Jair Bolsonaro (Igo Estrela/Metrópoles)

“Não vejo hoje que haja condição de prosperar qualquer pedido de impeachment contra o presidente Bolsonaro”, disse o vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), em entrevista feita na sexta-feira (15/1) ao jornal Estadão, publicada neste domingo (17/1). “Aqui no Brasil qualquer coisa é impeachment, né? Deixa o cara governar, pô!”

O general afirmou que não identifica um adversário claro contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), mas citou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) como uma força. Bolsonaro e Doria têm polarizado desde o início da pandemia, politizando, inclusive, a questão das vacinas contra a Covid-19.

“Hoje eu não vejo adversário para o presidente Bolsonaro. O que mais tem se destacado como concorrente é o governador Doria, mas eu julgo que o presidente continua vencendo. Talvez o pior opositor para nós mesmos seja não conseguir realizar o que temos de realizar”, declarou. Na visão de Mourão, a colocação do apresentador Luciano Huck na política é “fogo de palha”. “Na hora H, sai fora”, avaliou.

 

Com informações do site BHZ