Ladrão é morto após roubar celular e ser perseguido por motorista

delegacia contagem
Ocorrência foi encerrada na 3ª Delegacia de Plantão de Homicídios (Reprodução/Google Street View)

Um jovem foi morto a tiros depois de assaltar um rapaz, no bairro Tropical, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta sexta-feira (22). Uma pessoa que viu o desespero da vítima, ao ter o celular levado, perseguiu os suspeitos – o assaltante morto teve ajuda de um comparsa – e cometeu o homicídio. O jovem chegou a ser socorrido com vida, mas não resistiu aos ferimentos.

O rapaz assaltado contou que foi abordado por dois homens que estavam em uma moto. Um deles apontou uma arma e obrigou que a vítima passasse o aparelho celular. O pedestre obedeceu as ordens temendo que algo pior acontecesse. Na sequência, a dupla fugiu na motocicleta. Ainda desesperado, o rapaz assaltado chamou a atenção de um homem, que dirigia um Gol, e perguntou o que havia acontecido.

Assim que ficou sabendo dos detalhes do assalto, o motorista saiu em alta velocidade à procura da dupla. Minutos depois foram ouvidos disparos de arma de fogo, conforme disse o rapaz à PM. Uma pessoa que viu a execução contou que os tiros foram dados por um homem que estava em um Gol e que fugiu na sequência.

Socorro

O jovem baleado estava sem os documentos de identificação e aparentava ter por volta de 20 anos, segundo os militares. Ele foi socorrido e levado ao Hospital Municipal de Contagem. Um dos tiros atingiu o tórax. A vítima não resistiu aos ferimentos, apesar de ter dado entrada na unidade de saúde com vida.

No local do homicídio, o rapaz assaltado reconheceu a motocicleta, o capacete e a arma utilizada. O celular dele foi encontrado no bolso do jovem morto. A moto usada pela dupla tinha queixa de roubo e foi recolhida para o pátio da corporação. O outro homem que participou do assalto fugiu.

Até o fechamento da ocorrência, o motorista do Gol não havia sido localizado. Nas redondezas, não há câmeras de segurança. O caso foi registrado na 3ª Delegacia de Plantão de Homicídios de Contagem.

Edição: Thiago Ricci

Com informações do site BHZ