Jovem é preso em Uberlândia por incitar ameaças contra Bolsonaro em rede social

Presidente fez uma passagem pelo município nesta quinta-feira. PM entendeu que postagem incitaria a morte de Jair Bolsonaro, o que fere Lei de Segurança Nacional

Um rapaz de 24 anos foi preso pela Polícia Militar em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, na madrugada desta quinta-feira (4), suspeito de incitar ameaças de morte contra o presidente Jair Bolsonaro em uma rede social. O rapaz fez uma publicação nessa quarta-feira (3) referente à rápida passagem do presidente pela cidade.

“Gente, Bolsonaro em Udia amanhã… Alguém fecha virar herói nacional?”, questiona o rapaz na publicação. A postagem recebeu apoio de outras pessoas que fizeram comentários do tipo: “só me falta um arma” e “já estou com uma faca”. O caso foi encaminhado para a Polícia Federal que ratificou a prisão do suspeito.

De acordo com a Polícia Militar, o jovem foi rastreado a partir do serviço de inteligência da corporação e foi preso em flagrante em casa, onde mora com os pais. Pelo menos outras três pessoas que responderam a postagem concordando com a ação violenta contra o presidente da República também chegaram a ser rastreadas, mas não foram encontradas nas residências.

A Polícia Federal informou que o rapaz foi foi conduzido até a Delegacia da Polícia Federal onde foi preso em flagrante por crimes previstos na Lei de Segurança Nacional. A pena pode variar de dois a oito anos de prisão. A PF também pontuou que vai continuar a investigação para identificar e prender os outros envolvidos.

Viagem

Jari Bolsonaro passou rapidamente por Uberlândia na manhã desta quinta-feira (4). A passagem não estava prevista na agenda do presidente, que seguia para a cidade de São Simão, em Goiás, para participar de um evento


 

Com informações do OTempo