Homem é preso após furtar R$ 3.000 na Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem

Suspeito também levou três notebooks um tablet. Durante a prisão ele confessou o crime e disse que agiu junto com um comparsa que não foi localizado

Um homem de 42 anos foi preso na madrugada desta quarta-feira (21) após furtar três notebooks, um tablet e mais de R$ 3.000 da Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem, no bairro Funcionários, na região Centro-sul de Belo Horizonte. De acordo com o boletim de ocorrência, o pároco da igreja, Marcelo Carlos da Silva, 47, contou que havia acabado de realizar um atendimento a um casal de noivos, quando percebeu que tinha algo de estranho ocorrendo na casa paroquial.

Uma TV estava abandonada no refeitório. O padre também percebeu que seu quarto e outros cômodos foram revirados. Uma quantia em dinheiro havia desaparecido assim como objetos eletrônicos. A Polícia Militar foi chamada e realizou uma vistoria em toda a igreja, mas nenhum suspeito foi encontrado no momento.

Câmeras de segurança do local flagraram o momento em que um homem alto, moreno, calvo, com camisa e calça preta andava pelos corredores da casa paroquial, por volta de 21h35 desta terça-feira. De posse das imagens, os militares fizeram um rastreamento do suspeito em regiões próximas da igreja.

O homem foi encontrado no cruzamento da avenida Bias Fortes com a rua Santa Catarina, por volta de 2h. Ele tinha as mesmas características do suspeito no vídeo e estava com uma mochila. Durante a abordagem, ele confessou o crime e ainda disse que um comparsa, de codinome Alemão, o havia ajudado na ação ficando do lado de fora da igreja para vigiar de viria alguém.

Com o suspeito foram encontrados os objetos e a quantia em dinheiro que foram furtadas da casa paroquial. O segundo suspeito não foi localizado pela Polícia Militar e as câmeras externas da igreja estavam desativadas. Dessa forma, não foi possível identifica-lo.

A ocorrência foi encerrada da 2ª Delegacia da Polícia Civil, no Centro da Capital.


 

Com informações do OTempo