Homem erra o alvo e acaba atirando no próprio irmão em Minas

delegacia juiz de fora
Caso foi registrado na 5ª Delegacia de Polícia Civil de Juiz de Fora (Reprodução/Google Street View)

Uma emboscada armada por três jovens – dois irmãos e um amigo – teve desfecho desastroso para o trio. Eles tinham como alvo um homem de 25 anos, que suspostamente estaria se relacionando com a namorada de um deles. A vítima, no entanto, desarmou e agrediu um dos desafetos e um dos irmãos acertou o outro quando tentava ajudá-lo.

O caso ocorreu em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, nessa terça-feira (4). Toda a confusão teria iniciado por causa dessa suspeita de traição. O homem que suspeitava estar sendo traído chamou os dois irmãos para ajudá-lo em uma emboscada.

O alvo, então, foi atraído para uma praça no bairro São Benedito após uma mensagem enviada pelo WhatsApp. Quando chegou ao endereço, foi confrontado pelo trio e o homem que suspeitava a traição já partiu pra cima dele com um pedaço de madeira.

‘Patetada’

O alvo, no entanto, conseguiu tirar o pedaço de madeira do desafeto e passou a agredi-lo com o objeto. Ao verem a cena, os irmãos tentaram ajudar o amigo. Um deles ordenou que o outro atirasse no rapaz de 25 anos. A ordem foi atendida: o jovem sacou um revólver prateado e atirou.

Mas ele errou o disparo – e o tiro pegou no peito do próprio irmão. O homem baleado, então, foi socorrido às pressas e o irmão, autor do disparo, fugiu em Fiat Toro – e não havia sido localizado pelas autoridades até esta publicação.

Já o alvo da emboscada não sofreu ferimentos.


 

Edição: Thiago Ricci

Com informações do site BHZ